.

.

segunda-feira, 20 de junho de 2016

Volkswagen vai 'matar' tirar de linha 40 modelos da sua linha de produção, diz site alemão

Do R7
VW vai descontinuar diversos modelos, investir em carros autônomos e elétricos e ainda quer vender algumas marcas Divulgação
A Volkswagen está disposta a tirar o episódio dieselgate (softwares fraudulentos) da sua sombra. Com importantes mudanças estratégicas para o seu negócio automotivo, a marca anunciou que vai investir milhões de euros na produção de veículos elétricos e autônomos e que também vai retirar do seu portfolio cerca de 40 veículos. As informações são do jornal alemão Handelsblatt.
Em seu esforço para se tornar líder mundial em transporte verde, o grupo alemão pretende reduzir para menos de 300 o número de veículos porduzidos pela própria VW, além de Audi, Porsche, Seat e Skoda. Ainda como parte das mudanças, existe a possibilidade do conglomerado vender algumas de suas marcas, como Lamborghini e MAN Caminhões.
O número total de modelos que serão descontinuados ainda não foi decidido, mas o movimento, juntamente com a disposição da Volkswagen para sacramentar com uma marca "verde", é visto como crucial para ajudar a empresa alemã a superar o escândalo de emissão de polunetes, o dieselgate, que gerou encargos no valor de mais de R$ 60 bilhões (€ 16,2 bilhões).

Nenhum comentário:

Postar um comentário