.

.

domingo, 20 de maio de 2018

Estudantes que tentavam ver erupção de vulcão são mortos por nuvem de gás e cinzas na Indonésia

Pelo menos 15 pessoas foram atingidas por uma nuvem quente de cinzas e gases que caiu da montanha em alta velocidade após a erupção; segundo autoridades, temperatura da nuvem chegava a 700 graus

Mais de uma dúzia de pessoas foram mortas neste fim de semana por um dos vulcões mais ativos da Indonésia, levando as autoridades a apertarem o cerco ao redor da montanha na ilha de Sumatra.
Pelo menos 15 pessoas - a maioria alunos do ensino médio - foram mortas perto de um vilarejo esvaziado quando o vulcão Sinabung entrou em erupção no sábado, segundo autoridades. O vulcão esteve ativo nos últimos três meses, mas essas foram as primeiras mortes relacionadas à atividade vulcânica. Os alunos foram atingidos por uma nuvem quente de cinzas e gases que caiu da montanha em alta velocidade após a erupção. Segundo autoridades, a temperatura da nuvem era de cerca de 700 graus Celsius. Os alunos, que se aventuraram no vilarejo que fica a três quilômetros do vulcão, tentavam ter uma visão melhor da erupção, segundo Sutopo Purwo Nugroho, porta-voz da Agência Nacional para Gestão de Desastres da Indonésia. As erupções fizeram cerca de 30 mil pessoas deixarem suas casas. A polícia aumentou a patrulha após as mortes e declarou que é completamente proibido entrar na região.

Comissão na Câmara para discutir preço dos combustíveis

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM/RJ), informou no início da tarde deste domingo, em sua conta oficial no Twitter, que vai convocar uma Comissão Geral no próximo dia 30 de maio (uma quarta-feira) para debater e mediar saídas que atendam aos apelos da população sobre a alta dos combustíveis no país. 
Segundo Maia, "o preço, no nível em que se encontra, começa a impactar negativamente o dia a dia dos brasileiros", escreveu.
O presidente da Câmara disse ainda que vai convidar a Petrobras, distribuidoras, postos, governo e estudiosos para estabelecer ações diante da crise geopolítica global que encarece os combustíveis.
 
"No curto prazo, o governo federal deve avaliar a possibilidade de zerar a Cide e diminuir o PIS-Cofins. Os estados podem avaliar o mesmo para o ICMS", afirmou.
Rodrigo Maia salientou ainda que essas são ideias de políticas compensatórias para enfrentar o momento atual, e que estão distantes do congelamento de preços registrados no passado.
Conforme o Estado de Minas informou nesse sábado (19), os sucessivos reajustes nos preços dos combustíveis nas refinarias pela Petrobras, com alta acumulada de 24,7% desde 4 de abril, fizeram o valor do litro da gasolina romper a barreira de R$ 5 em Belo Horizonte e em pelo menos dois municípios do estado. 
 
O valor mais alto, de R$ 5,099, era cobrado nessa sexta-feira por um posto Ipiranga na Av. Antônio Abrahão Caram, 996, ao lado do Mineirão, na capital Mineira. 
Já levantamento feito pela Associação Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) de 13 a 18 mostra que o valor mais alto seria o cobrado pelo Posto Irmãos Nogueira Ltda., em Conselheiro Lafaiete, onde o motorista paga R$ 5,080.
 
Os consumidores de Unaí pagam até R$ 5,069 se optarem por abastecer o veículo no Posto Soares Braz Ltda. O levantamento não incluiu o posto na avenida Abrahão Caram, em BH.

quarta-feira, 16 de maio de 2018

AVB Aço Verde do Brasil Inaugura o Setor de Laminação com sucessos




Hoje quarta-feira 16 de  maio de 2018 chegou ao fim para o Grupo Ferroeste a última etapa do projeto da AVB.


 Um dia especial para Açailândia e um dia  Importante para o estado do Maranhão.

Hoje foi dado início  a fabricação de laminados   AVB - Aço Verde do Brasil, Com  a finalização dos testes  a  produção da primeira bobina de fio máquina  produzida na Gusa Nordeste do Grupo Ferroeste no distrito industrial do Pequiá.

O setor de laminação foi a segunda fase do Projeto AVB que está 100% concluído as obras e todos os testes.

A produção de aço laminado inicio-se nessa quarta-feira e junto com a produção da primeiro rolovse fio máquina  produzida em Açailândia, renova-se a nossa esperança no setor siderúrgico do Maranhão.

A conclusão do projeto conhecido como AVB AÇO VERDE DO BRASIL, foi uma luta particular dos diretores do grupo Ferroeste que acreditaram no potencial de Açailândia e do estado do Maranhão.

Após quase 12 anos de investimentos voltados exclusivamente a conclusão do projeto AVB, foi publico e notório a alegria de todos ao ver a primeiro rolo de fio máquina  produzida pelo setor de laminação.


Centenas de trabalhadores passaram e contribuíram de forma direta na obra de construção da AVB, movimentando o setor comercial, prestadores de serviços impactando de forma positiva toda economia do município.

O Ex presidente do STIMA e atual Vereador Jarlis Adelino, metalúrgico de profissão vem a publico parabenizar todos os trabalhadores envolvidos durante toda a construção desse complexo industrial, parabenizo todos os colaboradores  metalúrgico e que juntos sonharam com este momento tão importante para todos nós, parabenizo a diretoria do Grupo ferroeste por terem acreditado no povo Açailândense e terem realizado este investimento grandioso no nosso município, ofertando oportunidades de investimentos, ofertando oportunidades de empregos e ajudam a incluir Açailândia no rol dos município industrializados do Brasil.

Dedico minha gratidão a todos do Grupo Ferroeste.

Metalurgico e Vereador Jarlis Adelino

Açailândia Futebol Categoria de Base Tem Agenda Marcada Gol de Placa x JV Lideral


Fonte: Diretoria Gol de Placa

Prefeitura de Açailândia vai realizar Seletivo para contratação temporária de professores. Salários chegam a mais de R$ 1.500,00.

O ato visa suprir a necessidade de professores na rede pública de ensino da cidade de Açailândia, ainda não atendido pelo concurso público realizado no ano passado, em virtude de inúmeros casos de candidatos aprovados apresentarem documentação fraudulenta.
O acordo foi firmado entre o Ministério Público Estadual, na pessoa do Dr. Gleudson Malheiros e a Prefeitura de Açailândia, através do Procurador Geral do Município de Açailândia, Dr Saulo Vieira.

O Município de Açailândia, por meio da Procuradoria-Geral do Município celebrou no dia de ontem (14), acordo com o Ministério Público Estadual, nos autos de ação judicial, para realização de seletivo público simplificado com o objetivo de contratar professores, por tempo determinado, visando suprir a carência da rede municipal de ensino, tendo em vista os inúmeros casos de candidatos, do último concurso realizado, que apresentaram documentação fraudulenta e foram impedidos de tomar posse.

Em razão do déficit de carga horária, em breve, será dada ampla publicidade do calendário de reposição das aulas para que os nossos alunos não fiquem prejudicados.
O Promotor da Infância e Educação Gleudson Malheiros teve papel preponderante para o firmamento desse acordo que vai garantir o ano letivo dos alunos da rede pública de ensino sem prejuízo das aulas que ainda não forma ministradas.

O edital nº 009 torna público, através do Diário Oficial do Município de Açailândia,  o Processo Seletivo Simplificado para contratação por tempo determinado, para admissão de profissionais que atuarão na educação infantil, ensino fundamental anos iniciais e finais, visando atender ás carências de excepcional interesse público, nos termos do Artigo 37, inciso IX, da Constituição da República.

O Processo Seletivo constará de avaliação curricular de Títulos realizado em etapa única com isenção de taxa de inscrição.

Serão oferecidos o quantitativo de 132 vagas, distribuídas nos polos da Zona Urbana, e, Zona rural, nos polos de Novo Bacabal, Oziel Alves, João do Vale, Leônidas Clemente, Novo Horizonte, Conquista da Lagoa, Duque de Caxias e Sudelândia.

As inscrições para o processo seletivo serão realizadas no período de 17 e 18 de maio, das 08h às 12h e das 14h às 17h, por meio do preenchimento, pelo candidato, da ficha de inscrição e entrega dos documentos no auditório da Secretaria Municipal de Educação, localizada na Rua Fortaleza, no Centro de Açailândia.

Toda as informações sobre o Processo Seletivo Simplificado está disponível no site oficial da prefeitura de Açailândia, podendo ser acessado no endereço eletrônico www.acailandia.ma.gov.br  e nos murais da Prefeitura de Açailândia e Secretaria de Educação.

por: http://www.wiltonlima.com.br/

segunda-feira, 14 de maio de 2018

Evaristo Costa diz que prefere lavar louça a voltar para Globo

Evaristo Costa não esconde a felicidade em ter deixado a bancada do Jornal Hoje, da TV Globo, para viver um período sabático. Na madrugada desta segunda-feira, o apresentador afirmou em seu Twitter que prefere lavar a louça de casa do que voltar para a emissora.
“Aos filhos e maridos: lavem a louça (não só hoje, ok?)”, afirmou Evaristo no domingo, data em que foi comemorado o Dia das Mães. A frase veio acompanhada de uma foto do jornalista em frente à pia da sua casa, na Inglaterra.
Ao ver a imagem, um seguidor respondeu com uma provocação: “A coisa ficou feia, melhor voltar pra Globo”. O comentário não passou batido por Evaristo, que rebateu: “Prefiro lavar louças aqui em casa mil vezes kkk”.
Em julho de 2017, Evaristo anunciou a sua saída da Globo para “descansar o corpo e a mente”. O apresentador se mudou, então, para a Inglaterra junto com a família, onde a esposa começou uma pós-graduação na Universidade de Cambridge. 

Honda Civic sedã com motor 1.0 é lançado

Honda Civic sedã com motor 1.0 é lançado na Inglaterra


Pela primeira vez na história, o Honda Civic sedã passa a ser vendido em todo o Reino Unido

Desde o lançamento do Honda Civic no Reino Unido, o modelo foi oferecido nas variantes hatch e perua, mas jamais em forma de sedã. Por conta do apelo global da atual décima geração, o médio passará a ser vendido na terra da rainha na versão sedã ainda neste ano, mas com um detalhe interessante: motor 1.0 turbo.
O propulsor 1.0 i-VTEC três cilindros turbo já era oferecido no Civic Hatch na Europa e agora passa a fazer parte da gama de versões do sedã recém desembarcado no Reino Unido. Com três cilindros, turbo e injeção direta de combustível, o Civic 1.0 tem 129 cv e 20,4 kgfm de torque. Os números são praticamente idênticos ao motor 1.0 TSI usado em Polo e Golf, com uma vantagem de apenas 1 cv e torque idêntico.
Por lá, o motor 1.0 será oferecido junto à transmissão manual de seis marchas ou automática CVT com sete marchas simuladas. Outra opção de motor para o mercado britânico é o diesel 1.6 quatro cilindros turbo i-DTEC. Nessa configuração são 120 cv e 30,6 kgfm de torque. A transmissão CVT é substituída por uma automática tradicional com nove marchas.

Marfrig tem prejuízo de R$ 206 milhões no 1º trimestre





A empresa, que com a compra da National Beef, tornou-se a 2ª maior produtora de carne bovina do mundo, teve ganhos de R$ 5,1 bilhões.


Após fechar os últimos meses do ano passado no vermelho, a JBS voltou a registrar lucro no primeiro trimestre de 2018. Segundo relatório divulgado nesta segunda-feira (14), a empresa lucrou R$ 506 milhões, após o prejuízo de R$ 451 milhões nos meses anteriores.
O resultado positivo meio mesmo com a queda de quase 7% na receita, para R$ 39 bilhões. No entanto, no mesmo período, as despesas administrativas e gerais caíram 46%, para R$ 1,2 bilhões.

Melhora sobre 2017

Na comparação com o mesmo período do ano passado, os números também representam melhora: o lucro cresceu 43% em relação ao primeiro trimestre de 2017, quando a empresa teve resultado positivo de R$ 353 milhões.
O faturamento também subiu, com a receita registando aumento de 5,8% frente ao período do ano anterior. Enquanto isso, as despesas administrativas e gerais caíram 8,4%.

Recém-nascido de 6 quilos chama a atenção de médicos no Norte de Minas

Um parto ocorrido na maternidade da Santa Casa de Misericórdia e Hospital São Vicente de Paulo em Porteirinha, no Norte Minas, surpreendeu e chamou atenção dos médicos e funcionários da instituição. Nasceu no hospital um bebê do sexo feminino, saudável, com 6,126 quilos, praticamente o dobro da média de peso dos recém-nascidos, um caso raro. A menina, que recebeu o nome de Jennifer Eloá, nasceu com 58 centímetros. A mãe é a doméstica Luzia Ferreira de Oliveira, de 37 anos, moradora de Paciência, distrito do município.

Mãe e filha passam bem. Elas receberam alta do hospital nesta segunda-feira. Luzia teve o sétimo filho na última sexta-feira, dois dias antes do Dia da Mães. Jennifer Eloá veio ao mundo com um peso que, normalmente, so é alcançado por uma criança aos seis meses de vida.

O médico obstetra Antonio Carlos Mendes Silva, que assistiu ao parto, ressalta que um ponto que chamou a atenção foi que a mulher não apresentava nenhum problema de saúde, como diabetes, que poderia levar ao crescimento anormal do feto. Um aspecto importante é que, ressalta o médico, o parto ocorreu por cesariana, sem nenhuma sequela para a mãe e para o bebê.


“Me sinto honrado e abençoado pela oportunidade de proporcionar a felicidade e um momento especial para esta família. Cumpri o meu dever de trazer à vida e lutar pela vida”, afirmou o obstetra. “Em 28 anos de profissão, é a primeira vez que vi um caso desse”, admirou. Ele lembra que o peso “habitual” dos recém-nascidos fica em torno de 2,5 a 3,5 quilos.

De acordo com informações do hospital, Luzia teve os outros seis filhos por parto normal, sendo quatro do sexo feminino e dois do sexo feminino. Os outros filhos dela nasceram com peso dentro dos padrões normais.

Notícia de mulher presa em Mairinque por vender espetinho de carne de cachorro é falsa

Mais uma notícia falsa tem circulado pela internet trazendo preocupação para a população: a de que uma mulher teria sido preso por vender carne de cachorro em formato de espetinho, na cidade de Mairinque. A “notícia” tem sido divulgada pelas redes sociais onde além das informações sobre o suposto crime, também vem anexada com imagens da suposta presa e de cães abatidos.
Segundo informações da Delegacia de Mairinque, a notícia é falsa. Além disso, o portal Boatos.org, famoso por divulgar notícias falsas veiculadas pela internet e redes sociais, também desmentiu o caso.
Segundo o portal a notícia tem sido compartilhada em diversas cidades do Brasil, como São Paulo (SP), Recife (PE), Nova Iguaçu (RJ), Ceará-Mirim (RN) e Beberibe (CE), sempre retratando como se o evento tivesse acontecido na cidade. Entretanto as fotos dos cães abatidos circulam na internet desde 2016 e sequer são originarias do Brasil.
Mais uma notícia falsa que circula em nossa região, boatos mentirosos divulgados por pessoas mal intencionadas e que, infelizmente, são compartilhadas pela população desinformada. Uma prática regular já que, vale lembrar, imagens e um vídeo de duas pessoas supostamente baladas em frente a Lojas CEM, em São Roque, passaram a circular pelo Facebook e Whats App, deixando muitas pessoas preocupadas. Notícia que também foi desmentida pela nossa redação.
O Jornal da Economia alerta a população para que não divulgue informações ou notícias cuja veracidade não seja comprovada através de um veículo de comunicação idôneo. Infelizmente as chamadas Fake News tem se alastrado pelas redes sociais levando desinformação e muitas vezes pânico a muitas pessoas desinformadas.
É importante lembrar que não são apenas os veículos de comunicação que tem responsabilidade pelas informações que divulgam, pois a população também deve se conscientizar sobre as informações que estão compartilhando.

OMS planeja ação para conter surto de ebola

Em meio ao risco de surto do Vírus ebola na República Democrática do Congo (África), a Organização Mundial da Saúde (OMS) lançou uma ação específica para região. Um grupo de especialistas foi ao país para verificar as condições, o envio de suprimentos e equipamentos. O esforço é para prevenir e controlar infecções. A taxa de fatalidade do vírus varia entre 25 e 90%.
O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, esteve ontem (13) na cidade de Bikoro, no noroeste da República Democrática do Congo, para analisar a situação. Ele se reuniu com o presidente da República Democrática do Congo, Joseph Kabila, e com o ministro da Saúde, Oly Ilunga Kalenga, para avaliar as medidas já definidas.
Participaram da visita à República Democrática do Congo, Matshidiso Moeti, diretor regional da OMS para África, e Peter Salama, diretor-geral adjunto da entidade para Prevenção e Resposta a Emergências, além do diretor geral da organização.
As informações são da OMS. Paralelamente, o Ministério da Saúde do Congo faz coletas e testes para verificar a contaminação da doença.
“Em Bikoro, vi em primeira mão os esforços que as autoridades nacionais de saúde e todos os nossos parceiros estão investindo em estabelecer rapidamente os elementos-chave da contenção do ebola”, afirmou Tedros Ghebreyesus.

Vírus

Pelos relatos da organização não governamental (ONG) Médicos sem Fronteiras, a primeira informação sobre o Vírus ebola surgiu em 1976, em surtos simultâneos no Sudão e na República Democrática do Congo, em uma região situada próximo do Rio Ebola, que dá nome à doença.
Morcegos frutívoros são considerados os hospedeiros naturais do Vírus ebola.
Há cinco espécies do Vírus ebola: Bundibugyo, Costa do Marfim, Reston, Sudão e Zaire, nomes dados a partir dos locais de origem. Quatro desses tipos causaram a doença em humanos. Mesmo que o Vírus Reston possa infectar humanos, nenhuma enfermidade ou morte foi relatada.

Goleiro com celular em campo é campanha publicitária de trânsito, diz Atlético-PR

O Atlético-PR realizou uma entrevista coletiva para explicar que o goleiro Santos usando o celular antes do jogo contra o Atlético-MG faz parte de uma campanha por conscientização no trânsito. O Uber, aplicativo de transportes que patrocina o clube, participou da ação.
O camisa 1 pegou o celular no minuto de silêncio, caminhou na pequena área e, quando Luiz Flavio de Oliveira apitou, ele recolocou o aparelho ao lado do gol - o árbitro não registrou nada na súmula. O SporTV e alguns torcedores registraram (veja no vídeo acima).
A iniciativa faz parte da campanha "maio amarelo", que tem o objetivo de alertar para os riscos de mexer no celular e perder a atenção enquanto dirige. O próprio goleiro Santos e o segundo vice-presidente do clube, Marcio Lara, concederam entrevista. Além disso, o clube exibiu um vídeo com imagens de Santos e dados do trânsito, como os 400 mil acidentes por ano.
- Eu também ficaria indignado por ter levado o celular para o campo, assim como quero que fiquem indignados com quem usa no carro. Mais do que tomar um gol, você pode sofrer um acidente por causa de uma distração com o celular. Esse foi o motivo de o celular estar ali antes de começar o jogo - afirmou o goleiro Santos.
Depois do jogo, Santos deu entrevista ao Fantástico e aparentava estar visivelmente constrangido. Ele disse que não via problema em usar o celular, porém, estava apenas encenando, como parte da campanha. O técnico Fernando Diniz, quando questionado, também disse não estar sabendo da situação.
- Agradeço ao Santos e ao (técnico) Fernando Diniz por terem se engajado nessa campanha. O Atlético é conhecido como o clube que quebra paradigmas. Então, foi escolhido para se engajar nessa campanha, demonstrando toda a coragem. Logicamente, tudo foi planejado - explicou Marcio Lara durante a entrevista.
O uso do aparelho, segundo as regras do futebol, poderia provocar o cartão amarelo. O árbitro Luiz Flávio de Oliveira, porém, não viu e, por isso, não puniu o jogador. Marcio Lara explicou que o Atlético-PR não pediu autorização para a CBF (Confederação Brasileira de Futebol), mas que não temia uma punição pela importância social da campanha.
- Não foi pedido autorização justamente para que essa campanha tivesse um resultado efetivo. Mas como entendemos que isso não causou nenhum tipo de problema a nível esportivo, até porque foi feito antes de a bola rolar, não pedimos autorização. Como era uma campanha de conscientização, acreditamos que não precisaria de autorização.
Com uma falha do goleiro Santos no segundo gol, o Atlético-PR perdeu para o Atlético-MG por 2 a 1, de virada, em jogo válido pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Furacão ficou no 14° lugar, com cinco pontos, fora do Z-4 apenas pelos critérios de desempate.

Preço médio da gasolina volta a subir

O preço médio da gasolina nos postos do país voltou a subir na semana passada, atingindo novas máximas no ano, segundo pesquisa da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).
O preço médio do litro de gasolina para os consumidores ficou em R$ 4,257, ante R$ 4,225 na semana anterior, o que corresponde a uma alta de 0,76%. Na última pesquisa, havia recuado 0,02%.
Com o novo aumento, a gasolina acumula alta de 3,85% desde o início do ano, e avança 21,28% desde que a Petrobras iniciou sua nova política de preços, em julho do ano passado.
Já o litro do diesel passou de R$ 3,495 para R$ 3,551 na semana encerrada no dia 12 de maio, um aumento de 1,6% na semana. No ano, a alta acumulada é de 6,76%.
Por outro lado, o etanol caiu pela 5ª semana seguida, de R$ 2,853 para R$ 2,802, um recuo de 1,79%. No ano, a queda acumulada chega a 3,78%.

Gás de cozinha recua

Na semana passada, o preço médio do botijão de 13 kg de gás de cozinha recuou de R$ 66,97 para R$ 66,82, segundo a ANP.

Alta do petróleo

A alta da gasolina acompanha os reajustes feitos pela Petrobras em meio à escalada dos preços internacionais do petróleo. Nos últimos dias, os preços do petróleo passaram a avançar com força após o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciar a saída do país de um acordo nuclear com Irã e ameaçar sanções sobre a nação asiática, um grande produtor e exportador da commodity.
A Petrobras anunciou na sexta-feira (11) reajuste de 2,23% no preço da gasolina nas refinarias. Com o aumento, o derivado do petróleo passará a ser comercializado por R$ 1,9330 por litro.
O reajuste faz parte da política de preços da empresa, que muda os valores quase diariamente com o objetivo de acompanhar as cotações internacionais. O repasse ou não para o consumidor final depende dos postos.
A política de reajustes da Petrobras visa seguir as oscilações do mercado internacional, entre outros fatores, além de manter sua competitividade e uma melhor posição no mercado de combustíveis, evitando que as suas cotações fiquem abaixo da paridade externa.
Desde julho, as cotações de gasolina e diesel praticadas pela Petrobras acumulam altas de cerca de 40%, segundo a Reuters.

Caixa lança um novo jogo lotérico, o Dia de Sorte

Loteria irá envolver dias do mês e os meses do ano. Apostas vão custar R$2 e sorteios serão realizados três vezes por semana

O Ministério da Fazenda instituiu uma nova loteria da Caixa, denominada o Dia de Sorte, que será promovida três vezes por semana - às terças-feiras, quintas-feiras e sábados. 


De acordo com portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU), a data de realização do primeiro sorteio do novo jogo será definida pela Caixa.

A nova loteria irá testar a sorte do jogador em apostas envolvendo dias do mês e os meses do ano. Em cada aposta, será permitida a indicação de, no mínimo, 7 números e, no máximo, 15 números, em um total de 31 números, mais um dos meses do ano, o mês de sorte. Ganha o prêmio máximo quem acertar os 7 números sorteados e mais o mês da sorte. Também ganha prêmios, menores, quem acertar 6, 5 ou 4 números e o mês da sorte.

A aposta simples, com 7 números e 1 mês de sorte, custará R$ 2,00. Há ainda apostas combinadas, ou múltiplas, com mais números marcados. O jogo com 8 números e 1 mês de sorte, por exemplo, será de R$ 16,00 e a aposta com 15 números e 1 mês de sorte, R$ 12.870,00.

MESMO PRESO, LULA LIDERA FOLGADO COM 32,4%

Ricardo Stuckert
Pesquisa do MDA para a Confederação Nacional dos Transportes (CNT) mostra que o ex-presidente Lula, que é mantido como preso político desde 7 de abril em Curitiba, segue liderando a preferência da maioria dos eleitores brasileiros; na modalidade estimulada, Lula tem 32,4%, enquanto Jair Bolsonaro tem 16,7%, Marina Silva 7,6%, Ciro Gomes 5,4% e Geraldo Alckmin 4,0%; para 25,6% dos brasileiros, Lula é o único candidato em quem votariam, e 40,8% acreditam que ele disputará as eleições; para 90,3% a Justiça brasileira não age de forma igual para todos; no segundo turno, o ex-presidente Lula vence em todos os cenários; confira
Pesquisa realizada pelo instituto MDA para a Confederação Nacional dos Transportes (CNT) mostra que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que é mantido como preso político de 7 de abril em Curitiba, segue liderando a preferência da maioria dos eleitores brasileiros.
Na modalidade estimulada, Lula 32,4%, Jair Bolsonaro 16,7%, Marina Silva 7,6%, Ciro Gomes 5,4%, Geraldo Alckmin 4,0%, Álvaro Dias 2,5%, Fernando Collor 0,9%, Michel Temer 0,9%, Guilherme Boulos 0,5%, Manuela D´Ávila 0,5%, João Amoêdo 0,4%, Flávio Rocha 0,4%, Henrique Meirelles 0,3%, Rodrigo Maia 0,2%, Paulo Rabello de Castro 0,1%, Branco/Nulo 18,0%, Indecisos 8,7%.
Confira as simulações para o segundo turno, onde Lula vence em todas:
CENÁRIO 1: Lula 44,9%, Geraldo Alckmin 19,6%, Branco/Nulo: 30,0%,
Indecisos: 5,5%.

CENÁRIO 2: Lula 45,7%, Jair Bolsonaro 25,9%, Branco/Nulo: 23,3%,
Indecisos: 5,1%.

CENÁRIO 3: Lula 47,1%, Henrique Meirelles 13,3%, Branco/Nulo: 33,0%,
Indecisos: 6,6%.

CENÁRIO 4: Lula 44,4%, Marina Silva 21,0%, Branco/Nulo: 29,3%,
Indecisos: 5,3%.

CENÁRIO 5: Lula 49,0%, Michel Temer 8,3%, Branco/Nulo: 37,3%,
Indecisos: 5,4%.

A Pesquisa CNT/MDA ouviu 2.002 pessoas, em 137 municípios de 25 Unidades Federativas das cinco regiões do país.
Leia abaixo o material divulgado pela CNT:
A 136ª Pesquisa CNT/MDA, realizada de 9 a 12 de maio de 2018 e divulgada pela CNT (Confederação Nacional do Transporte) no dia 14 de maio, aborda as eleições de 2018, trazendo as preferências eleitorais dos entrevistados em cenários de primeiro e segundo turnos de votação. O levantamento também apresenta as características ideais dos candidatos na opinião dos entrevistados, além do seu potencial de voto.
A pesquisa ainda trata de temas como a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva; a Justiça no Brasil; a confiança nas instituições; fake news e a Copa do Mundo. Traz, além disso, avaliações do governo federal e do desempenho pessoal do presidente Michel Temer e avaliações dos governos estaduais e municipais.
Foram ouvidas 2.002 pessoas, em 137 municípios de 25 Unidades Federativas, das cinco regiões. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais com 95% de nível de confiança. A pesquisa está registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral), com o número BR-09430/2018.
• Avaliação de governo
Governo federal: A avaliação do governo do presidente Michel Temer é positiva para 4,3% dos entrevistados, contra 71,2% de avaliação negativa. Para 21,8%, a avaliação é regular e 2,7% não souberam opinar. A aprovação do desempenho pessoal do presidente atinge 9,7% contra 82,5% de desaprovação, além de 7,8% que não souberam opinar.
Governo estadual: 2,9% avaliam o governador de seu Estado como ótimo. 16,6% como bom; 33,2% como regular, 14,8% como ruim e 26,1% como péssimo.
Governo municipal: 5,1% avaliam o prefeito de sua cidade como ótimo. 21,3% como bom, 32,2% como regular, 12,8% como ruim e 24,2% como péssimo.
• Expectativa (para os próximos 6 meses)
Emprego: vai melhorar: 21,7%, vai piorar: 31,5%, vai ficar igual: 43,4%
Renda mensal: vai aumentar: 20,6%, vai diminuir: 16,5%, vai ficar igual: 59,3%
Saúde: vai melhorar: 18,5%, vai piorar: 35,6%, vai ficar igual: 42,9%
Educação: vai melhorar: 21,0%, vai piorar: 28,8%, vai ficar igual: 46,6%
Segurança pública: vai melhorar: 17,9%, vai piorar: 41,9%, vai ficar igual: 37,2%

• Eleição presidencial 2018
1º turno: Intenção de voto ESPONTÂNEA
Lula: 18,6%
Jair Bolsonaro: 12,4%
Ciro Gomes: 1,7%
Marina Silva: 1,3%
Geraldo Alckmin: 1,2%
Joaquim Barbosa: 1,0%
Álvaro Dias: 0,9%
Outros: 1,8%
Branco/Nulo: 21,4%
Indecisos: 39,6%

1º turno: Intenção de voto ESTIMULADA
CENÁRIO 1: Lula 32,4%, Jair Bolsonaro 16,7%, Marina Silva 7,6%,
Ciro Gomes 5,4%, Geraldo Alckmin 4,0%, Álvaro Dias 2,5%, Fernando Collor 0,9%, Michel Temer 0,9%, Guilherme Boulos 0,5%, Manuela D´Ávila 0,5%, João Amoêdo 0,4%, Flávio Rocha 0,4%, Henrique Meirelles 0,3%, Rodrigo Maia 0,2%, Paulo Rabello de Castro 0,1%, Branco/Nulo 18,0%, Indecisos 8,7%.

CENÁRIO 2: Jair Bolsonaro 18,3%, Marina Silva 11,2%, Ciro Gomes 9,0%, Geraldo Alckmin 5,3%, Álvaro Dias 3,0%, Fernando Haddad 2,3%, Fernando Collor 1,4%, Manuela D´Ávila 0,9%, Guilherme Boulos 0,6%, João Amoêdo 0,6%, Henrique Meirelles 0,5%, Flávio Rocha 0,4%, Rodrigo Maia 0,4%, Paulo Rabello de Castro 0,1%, Branco/Nulo 29,6%, Indecisos 16,1%.
CENÁRIO 3: Jair Bolsonaro 19,7%, Marina Silva 15,1%, Ciro Gomes 11,1%, Geraldo Alckmin 8,1%, Fernando Haddad 3,8%, Branco/Nulo 30,1%, Indecisos 12,1%.
CENÁRIO 4: Jair Bolsonaro 20,7%, Marina Silva 16,4%, Ciro Gomes 12,0%, Fernando Haddad 4,4%, Henrique Meirelles 1,4%, Branco/Nulo 31,7%, Indecisos 13,4%.
2º turno: Intenção de voto ESTIMULADA
CENÁRIO 1: Lula 44,9%, Geraldo Alckmin 19,6%, Branco/Nulo: 30,0%,
Indecisos: 5,5%.

CENÁRIO 2: Lula 45,7%, Jair Bolsonaro 25,9%, Branco/Nulo: 23,3%,
Indecisos: 5,1%.

CENÁRIO 3: Lula 47,1%, Henrique Meirelles 13,3%, Branco/Nulo: 33,0%,
Indecisos: 6,6%.

CENÁRIO 4: Lula 44,4%, Marina Silva 21,0%, Branco/Nulo: 29,3%,
Indecisos: 5,3%.

CENÁRIO 5: Lula 49,0%, Michel Temer 8,3%, Branco/Nulo: 37,3%,
Indecisos: 5,4%.

CENÁRIO 6: Jair Bolsonaro 28,2%, Ciro Gomes 24,2%, Branco/Nulo: 37,8%,
Indecisos: 9,8%.

CENÁRIO 7: Jair Bolsonaro 27,8%, Geraldo Alckmin 20,2%, Branco/Nulo: 42,5%,
Indecisos: 9,5%.

CENÁRIO 8: Jair Bolsonaro 31,5%, Fernando Haddad 14,0%, Branco/Nulo: 43,4%,
Indecisos: 11,1%.

CENÁRIO 9: Jair Bolsonaro 30,8%, Henrique Meirelles 11,7%, Branco/Nulo: 46,3%,
Indecisos: 11,2%.

CENÁRIO 10: Marina Silva 27,2%, Jair Bolsonaro 27,2%, Branco/Nulo: 37,8%,
Indecisos: 7,8%.

CENÁRIO 11: Jair Bolsonaro 34,7%, Michel Temer 5,3%, Branco/Nulo: 49,5%,
Indecisos: 10,5%.

CENÁRIO 12: Ciro Gomes 20,9%, Geraldo Alckmin 20,4%, Branco/Nulo: 48,1%,
Indecisos: 10,6%.

CENÁRIO 13: Geraldo Alckmin 25,0%, Fernando Haddad 10,0%, Branco/Nulo: 53,2%, Indecisos: 11,8%.
CENÁRIO 14: Marina Silva 26,6%, Geraldo Alckmin 18,9%, Branco/Nulo: 46,0%,
Indecisos: 8,5%.

CENÁRIO 15: Ciro Gomes 25,7%, Henrique Meirelles 9,0%, Branco/Nulo: 52,6%,
Indecisos: 12,7%.

CENÁRIO 16: Ciro Gomes 30,4%, Michel Temer 5,6%, Branco/Nulo: 52,9%,
Indecisos: 11,1%.

LIMITE DE VOTO – PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA
CIRO GOMES: é o único em que votaria (2,9%); é um candidato em que poderia votar (31,7%); não votaria nele de jeito nenhum (46,4%); não conhece/não sabe quem é/ nunca ouviu falar (15,3%).
FERNANDO HADDAD: é o único em que votaria (0,9%); é um candidato em que poderia votar (15,7%); não votaria nele de jeito nenhum (46,1%); não conhece/não sabe quem é/ nunca ouviu falar (34,1%).
GERALDO ALCKMIN: é o único em que votaria (1,6%); é um candidato em que poderia votar (30,3%); não votaria nele de jeito nenhum (55,9%); não conhece/não sabe quem é/ nunca ouviu falar (8,4%).
HENRIQUE MEIRELLES: é o único em que votaria (0,2%); é um candidato em que poderia votar (14,1%); não votaria nele de jeito nenhum (48,8%); não conhece/não sabe quem é/ nunca ouviu falar (33,5%).
JAIR BOLSONARO: é o único em que votaria (13,1%); é um candidato em que poderia votar (22,1%); não votaria nele de jeito nenhum (52,8%); não conhece/não sabe quem é/ nunca ouviu falar (9,3%).
LULA: é o único em que votaria (25,6%); é um candidato em que poderia votar (25,0%); não votaria nele de jeito nenhum (46,8%); não conhece/não sabe quem é/ nunca ouviu falar (0,6%).
MARINA SILVA: é o único em que votaria (4,5%); é um candidato em que poderia votar (33,1%); não votaria nele de jeito nenhum (56,5%); não conhece/não sabe quem é/ nunca ouviu falar (2,9%).
MICHEL TEMER: é o único em que votaria (0,3%); é um candidato em que poderia votar (7,8%); não votaria nele de jeito nenhum (87,8%); não conhece/não sabe quem é/ nunca ouviu falar (1,6%).
RODRIGO MAIA: é o único em que votaria (0,1%); é um candidato em que poderia votar (7,0%); não votaria nele de jeito nenhum (55,6%); não conhece/não sabe quem é/ nunca ouviu falar (34,2%).
CARACTERÍSTICAS DO CANDIDATO
• Para 65,6% dos entrevistados, a honestidade do candidato a presidente da República será o principal fator levado em consideração; 47,7% considerarão novas propostas para o Brasil; 26,4%, a trajetória de vida; 12,1% considerarão se o candidato é novo no meio político; 5,9% o partido político ao qual o candidato pertence; 3,4% se ele é do meio empresarial.
CONDENAÇÃO DO EX-PRESIDENTE LULA
• 51,0% consideram que a prisão do ex-presidente Lula é justa.
• 49,9% não acreditam que o ex-presidente Lula disputará as eleições, após ter sido condenado na 2ª instância, enquanto que 40,8% acreditam que o ex-presidente Lula disputará as eleições, mesmo após ter sido condenado na 2ª instância.

JUSTIÇA NO BRASIL
• A avaliação sobre a atuação da Justiça no Brasil é negativa para 55,7% (ruim ou péssima) dos entrevistados. 33,6% avaliam a Justiça como sendo regular e 8,8% dos entrevistados avaliam que a atuação da Justiça no Brasil é positiva (ótima ou boa).
• 52,8,% consideram o Poder Judiciário pouco confiável; 36,5% nada confiável; e 6,4% muito confiável.
• Para 90,3% a Justiça brasileira não age de forma igual para todos. Outros 6,1% consideram que age de forma igual.
• Dos entrevistados, 44,3% acreditam que, mesmo após as recentes ações da Justiça na Operação Lava Jato, a corrupção irá continuar na mesma proporção no Brasil. Enquanto isso, 30,7% avaliam que a corrupção irá diminuir e 17,3% acreditam que vai aumentar.
CONFIANÇA NAS INSTITUIÇÕES
• A instituição mais confiável, segundo os entrevistados, é a Igreja (40,1%). Em seguida, aparecem: Forças Armadas (16,2%), Justiça (8,6%), Imprensa (5,0%), Polícia (4,0%), Governo Federal (2,2%), Congresso Nacional (0,6%) e Partidos Políticos (0,2%).
FAKE NEWS E INFORMAÇÕES
• 49,0% dos entrevistados afirmam utilizar internet (redes sociais, portais ou aplicativos de mensagem, como o WhatsApp) todos os dias para ver notícias; 9,1% utilizam a rede vários dias por semana; 6,1%, poucas vezes por mês; 7,2% raramente. 28,6% não fazem uso da rede mundial de computadores para se informarem.
• Quanto aos assuntos sobre os quais os entrevistados mais se informam, 42,5% citam entretenimento/novela/variedades; 28,2% destacam política; 20,6% esporte; 15,0% economia/finanças; 12,4% educação/trabalho; 11,2% cidades; 10,6% saúde; 3,7% viagens/turismo.
• 81,4% afirmam acreditar em algumas e desconfiar de outras notícias que veem na internet. 4,5% dizem crer em todas as informações, enquanto o restante (13,8%) diz não acreditar em qualquer notícia.
• Quando ficam em dúvida sobre a veracidade de alguma notícia que veem na internet, 31,5% dizem que têm o costume de sempre verificarem se a informação é verdadeira. 45,4% verificam somente algumas vezes e 22,7% dizem que não têm esse costume.
• 68,2% já ouviram falar sobre a existência de notícias falsas, as chamadas fake news.
COPA DO MUNDO
• 42,0% não estão interessados na Copa do Mundo da Rússia. 27,0% estão muito interessados e 30,7% estão pouco interessados.
• 63,9% têm intenção de acompanhar os jogos da Copa do Mundo.
• O principal meio pelo qual os entrevistados pretendem acompanhar os jogos da Copa do Mundo é a TV (96,8%). Em seguida, aparecem internet (1,7%), rádio (0,3%) e jornal (0,1%).
• As seleções favoritas para o título da Copa do Mundo são, na opinião dos entrevistados, Brasil (51,9%), Alemanha (8,1%), Argentina (1,3%), Espanha (1,0%) e França (0,9%).

CONCLUSÃO
Os resultados da 136ª Pesquisa CNT/MDA mostram manutenção da percepção negativa sobre o governo Michel Temer, tanto para a avaliação de seu governo quanto em relação à sua aprovação pessoal, indicando uma situação eleitoral irreversível.
O pessimismo da população em relação a geração de empregos, renda mensal, saúde, educação e segurança para os próximos seis meses apresenta aumento em relação à última pesquisa.
A intenção de voto para a eleição presidencial em 2018 sinaliza manutenção da liderança do ex-presidente Lula no cenário de primeiro turno e em todas as simulações de segundo turno. Para as simulações de primeiro turno que excluem o ex-presidente da relação de candidatos, Jair Bolsonaro lidera, com a segunda colocação sendo disputada por Marina Silva e Ciro Gomes.
Nas simulações de segundo turno sem o ex-presidente Lula, Jair Bolsonaro empata tecnicamente com Marina Silva e Ciro Gomes, vencendo os demais candidatos.
Nota-se elevado percentual de votos brancos, nulos e indecisos, em especial nos cenários sem o ex-presidente, indicando que o eleitor ainda está em busca de algum nome que mereça o seu voto. As características mais importantes para a escolha do candidato são honestidade, apresentação de propostas novas para o Brasil e sua trajetória política.
Em relação à Justiça, observa-se avaliação predominantemente negativa, com baixo grau de confiança e percepção forte de que não atua de forma igual para todas as pessoas.
A maioria da população utiliza de forma frequente a internet para leitura de notícias. Para esse grupo, a maior parcela desconfia de parte das informações que recebe e costuma checar a veracidade.