.

.

quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Eduardo Braide apresenta e defende reivindicações dos moradores de Açailândia

Eduardo Braide apresenta e defende reivindicações dos moradores de Açailândia

O deputado Eduardo Braide apresentou na sessão desta quarta-feira (29), reivindicações do município de Açailândia. As solicitações foram feitas pelos próprios moradores durante a visita do parlamentar ao município.
“Tive a oportunidade de conversar com diversas lideranças políticas, comunitárias e moradores de Açailândia acompanhado do vereador do PMN Jarlis Adelino. Lá me foram apresentados alguns pleitos e eu firmei o compromisso de encaminha-los ao Governo do Estado, cumprindo o meu papel de deputado”, afirmou.
As solicitações feitas pelos moradores de Açailândia, foram apresentadas por Eduardo Braide em duas indicações.
“Ouvi vários relatos sobre a luta e a dificuldade que os moradores do Parque Novo Horizonte têm no acesso à agua.  Por isso, apresentei uma indicação ao Governo para que seja implantado em caráter de urgência um sistema de abastecimento de água nessa importante comunidade de Açailândia. Outra solicitação feita foi para que o Governo faça a pavimentação da Avenida João Castelo, localizada na comunidade Pequiá. Essa comunidade sofre há vários anos com essa situação e, portanto, fiz a indicação em caráter emergencial, uma vez que o período chuvoso ainda não foi intensificado”, justificou o parlamentar.
Eduardo Braide agradeceu a receptividade do povo de Açailândia e disse que as reivindicações dos moradores serão cobradas por ele junto ao Governo do Estado.
“Deixo aqui o registro e a minha gratidão pela forma como fui recebido pelo povo de Açailândia. Ressalto que as reivindicações já foram apresentadas e iremos cobrar e fiscalizar até que as mesmas sejam atendidas. O povo açailandense merece a atenção do Governo do Estado”, finalizou o deputado.

terça-feira, 28 de novembro de 2017

Claudia Leitte é condenada a pagar R$ 382 mil de direitos trabalhistas a ex-músico

A informação foi divulgada pelo Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região - Foto: Divulgação
A informação foi divulgada pelo Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região
Divulgação
A cantora Claudia Leitte e a Ciel Empreendimentos, produtora responsável pela carreira da artista, foram condenadas a pagar o valor de R$ 382.668,71, num prazo de 48h, à um ex-guitarrista da banda, que trabalhou para ela entre 15 de agosto de 2009 e 15 de março de 2014. A informação foi divulgada na manhã desta terça-feira, 28, pelo Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT5-BA).
O juiz Adriano Bezzera Costa, da 1ª Vara do Trabalho de Salvador, considerou o depoimento de testemunhas para confirmar que o músico, que não foi identificado, trabalhou para a cantora. Ele participou de uma média de onze shows mensais com a artista, recebendo por cada um deles R$ 800 (2010/2011), R$ 1.000 (2012/2013) e R$ 1200 (2014), valores que eram triplicados no carnaval.
Com a decisão judicial, a empresa terá que fazer o registro na carteira de trabalho do rapaz, além de pagar aviso-prévio, férias, 13º salário, multa de 40% do FGTS e seguro-desemprego. No entanto, foram indeferidos os pedidos de dano moral e horas extras e julgado sem resolução de mérito o pedido de adicional de insalubridade.
Segundo a TRT5-BA, Claudia chegou a recorrer alegando que o músico não tinha contrato de exclusividade e nem subordinação com ela e que apenas prestava serviços como guitarrista, mas o juiz manteve a decisão. O processo transitou em julgado e não cabe mais recurso. 
Ainda de acordo com a ordem judicial, o valor a ser pago pela cantora está sujeito a atualização monetária até o final do pagamento. A equipe do Portal A TARDE tentou contato com a assessoria da artista, mas não obteve sucesso até a publicação desta matéria.
Mandado de citação de pagamento (Foto: Reprodução)

Eurico volta a atacar investigação sobre eleição e mira 'Milagre Vascaíno'

O presidente Eurico Miranda convocou a imprensa nesta terça-feira após saber da notícia de que será intimado a depor na Delegacia de Defraudações da Polícia Civil, que investiga irregularidade na eleição do Vasco. O mandatário criticou a nova polêmica e afirmou que tal atitude seria para desestabilizar o elenco na semana decisiva no Campeonato Brasileiro. Os vascaínos se prepararam para enfrentar a Ponte Preta, neste domingo, e uma vitória garante a equipe carioca na Libertadores.
"Precisamos de explicações sobre o que está acontecendo. Lá atrás, falamos que o objetivo era Libertadores e 99% achavam que era bravata. Com todas as dificuldades que atravessamos, o Vasco está perto da Libertadores. E nessa semana decisiva o assunto não é esse. O assunto é outro. Não sei o motivo, os interesses. Tínhamos que estar exaltando a campanha do Vasco. Vemos que o noticiário é outro. O que interessa é outra coisa. Vou fazer alguns comentários. São coisas dirigidas. Essas coincidências, todas elas, só têm um objetivo. Por isso que coloquei a frase 'contra tudo e contra todos'. Que o torcedor do Vasco não deixe se influenciar por esse tipo de coisa. Não tenho dúvida que não vão exaltar essa campanha do Vasco. Foi um feito, diante de todas as dificuldades. Vou continuar a fazer de tudo para este objetivo", disse.

População de Açailândia comparece em peso, em evento, que confirmou a pré candidatura do vereador Jarlis Adelino a deputado federal em 2018.

O evento ocorreu na última sexta-feira (24) no auditório do Hotel Santa Maria em Açailândia, e contou com a presença de líderes políticos do Maranhão, vereadores do nosso município, empresários e membros de sindicatos
O evento também contou a presença do deputado estadual Eduardo Braide (PMN), que foi o responsável pelo convite feito ao vereador Jarlis, solicitando que o mesmo, dispute as eleições do ano que vem, como deputado federal, representando o estado do Maranhão, e principalmente nossa Açailândia.
O que surpreendeu foi o público que lotou o auditório em plena manhã de sexta-feira, dando a entender o quanto a população deseja, que nossa cidade consiga eleger um representante que possa ser a nossa voz em Brasília.

Parabéns a organização do evento.

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Dormir de lado é o mais aconselhado para as mulheres grávidas

As mulheres grávidas são aconselhadas a dormir de lado durante o terceiro trimestre da gravidez. Os dados sugerem que adormecer de costas pode ser prejudicial para o feto.
A posição em que a grávida acorda não é importante.

Um novo estudo, publicado no British Journal of Obstetrics and Gynecology (BJOG), aconselha as mulheres a adormecerem de lado durante os três últimos meses de gravidez, para evitar a morte do bebé, segundo uma publicação da BBC.
O estudo teve em conta pouco mais de mil mulheres, analisando 291 gravidezes que terminaram na morte do bebé e de 735 mulheres que conseguiram dar à luz um nado-vivo.
Com este estudo, descobriu-se que o risco de morte para o feto duplica se as mulheres dormirem de costas durante o terceiro trimestre de gravidez. Por esta razão, as grávidas são então aconselhadas a dormir de lado durante este período.
O mais importante é a posição em que a mulher adormece do que propriamente aquela em que acorda, porque se passa mais tempo nesta fase do sono do que em qualquer outra – isto é, se adormecer de lado e acordar de costas não há razão para grande preocupação e o melhor é voltar a virar-se de lado novamente.
Não se pode fazer nada em relação à posição em que se acorda, mas pode fazer-se alguma coisa quanto à posição em que se adormece”, afirma o professor Alexander Heazell, diretor clínico do Centro de Pesquisas de Mortalidade de Tommy, no Hospital St Mary’s, em Manchester.
Os dados sugerem então que quando uma mulher está virada de costas, a combinação do peso do bebe e do útero exerce pressão sobre os vasos sanguíneos o que pode então impedir que o fluxo sanguíneo e o oxigênio cheguem ao bebe.

Rússia proíbe a importação de carne bovina e suína do Brasil

A Rússia decidiu suspender a partir de 1o. de dezembro a importação de carne bovina e suína oriunda do Brasil depois da descoberta de várias substâncias proibidas, informaram os serviços veterinários.
Em um comunicado, a agência de regulação de produtos agrícolas Rosselkhoznadzor disse ter detectado ractopamina e outros hormônios de crescimento na carne brasileira.
A ractopamina é um aditivo alimentar utilizado para aumentar a massa muscular dos animais, o que é proibido na Rússia por seus possíveis efeitos negativo na saúde dos consumidores.
A agência russa informou ainda que foi preciso tomar "medidas severas para a proteção dos consumidores russos" impondo, a partir de 1o. de dezembro, restrições temporárias à importação de carne bovina e suína.
O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, não considerou a medida como um fechamento do mercado russo. Segundo ele, medidas desse tipo acontecem permanentemente em fiscalizações e apenas "três ou quatro empresas" em que a ractopamina foi detectada foram mencionadas.
O uso de ractopamina é permitida no Brasil, mas não na Rússia e na Europa, detalhou.
A Rússia é uma grande importadora de carne brasileira. Em 2016 importou produtos suínos por 513 milhões de dólares, valor que aumentou para 612,3 milhões nos primeiros 10 meses deste ano, segundo dados do Ministério de Agricultura.
Continua depois da publicidade
As importações russas de carne bovina brasileira somaram 389,7 milhões de dólares em 2016 e passaram para 392,8 milhões entre janeiro e outubro de 2017.
Esta decisão tomada por Moscou restringe ainda mais as fontes de importação de carne para a Rússia.
A importação na Rússia de produtos da União Europeia, Estados Unidos, Canadá e Austrália, entre outros países ocidentais, está proibida pelo embargo imposto em 2014 em respostas às sanções pela crise ucraniana.
Em fevereiro, a Rússia decidiu suspender a importação de carne bovina neozelandesa também por utilização de ractopamina.

Trump declara Coreia do Norte "patrocinadora do terrorismo"

Em mais um episódio da escalada de tensão entre Coreia do Norte e Estados Unidos, o presidente americano, Donald Trump, anunciou nesta segunda-feira (20/11) que decidiu incluir Pyongyang na lista de países patrocinadores do terrorismo, da qual já fazem parte Irã, Síria e Sudão.

 Trump faz discurso na Casa Branca
 15/11/2017    REUTERS/Kevin Lamarque
Trump faz discurso na Casa Branca 15/11/2017 REUTERS/Kevin Lamarque
Foto: Reuters
Trump fez o anúncio durante uma reunião com membros de seu gabinete na Casa Branca, após retornar de uma viagem de quase duas semanas por cinco países da Ásia, incluindo Coreia do Sul. O programa nuclear e de mísseis norte-coreano foi um dos principais temas da agenda.
Publicidade
O líder americano explicou que a decisão desta segunda-feira faz parte de sua "campanha de pressão máxima" para isolar o regime da Coreia do Norte em razão de sua atividade nuclear.
Além disso, antecipou que novas sanções contra o país asiático serão anunciadas nesta terça-feira pelo Departamento do Tesouro americano. Segundo o presidente, tais sanções serão as de "nível mais alto" já impostas ao regime.
Para Trump, a decisão de incluir a Coreia do Norte na lista de patrocinadores do terrorismo "deveria ter ocorrido anos atrás". Após figurar na relação por duas décadas - em razão de um bombardeio, em 1987, contra um avião sul-coreano que matou 115 pessoas -, o país foi removido da lista em 2008 pelo então presidente George W. Bush, como parte dos esforços para conter o desenvolvimento do programa nuclear.
Em fevereiro, a Coreia do Sul havia pedido a Washington que voltasse a declarar Pyongyang patrocinadora do terrorismo em razão do assassinato de Kim Jong-nam, irmão mais velho do líder norte-coreano, Kim Jong-un, na Malásia.
Em seu anúncio, Trump apontou "atos de terrorismo" cometidos pela Coreia do Norte, incluindo assassinatos em solo estrangeiro, além de lembrar pessoas afetadas pela "brutalidade" do regime, como o estudante americano Otto Warmbier, que morreu dias depois de retornar aos EUA, em coma. Ele ficou preso durante 17 meses na Coreia do Norte.
As tensões e trocas de ameaças entre os governos em Pyongyang e Washington já se arrastam há meses. Mais recentemente, a turnê asiática de Trump gerou comentários irritados por parte da Coreia do Norte, que acusou o americano de estar "implorando" por uma guerra nuclear na península coreana.
Em passagem por Seul, Trump havia declarado que Pyongyang representa uma "ameaça global que requer ação global" e convocou todas as nações responsáveis, incluindo China e Rússia, a "exigir que o regime norte-coreano encerre seu programa nuclear", que já incluiu o teste de uma bomba de hidrogênio e lançamentos de mísseis intercontinentais.
O presidente ainda alertou, na ocasião, que os EUA estão prontos para utilizar toda sua capacidade militar para impedir que a Coreia do Norte se torne uma potência nuclear.

Aumento de empregos em outubro foi puxado por comércio, indústria e serviços

O aumento do número de empregos formais em outubro foi puxado pelos setores de comércio, indústria de transformação e serviços. De acordo com números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados hoje (20) pelo Ministério do Trabalho, 76.599 vagas foram criadas no mês passado. O resultado de outubro é o melhor do ano até agora.
O comércio foi o setor que mais se expandiu no último mês, com 37.321 novos empregos formais, dos quais 30.187 no comércio varejista.
indústria
A indústria está entre os setores que mais criaram postos de trabalho em outubroArquivo/Agência Brasil
A indústria de transformação teve o segundo melhor desempenho, com 33,2 mil novos postos de trabalho, graças sobretudo ao desemprenho da indústria de produtos alimentícios, que abriu 20.565 vagas.
Já o setor de serviços criou 15.915 vagas de emprego formal em outubro.
No acumulado do ano, o saldo de empregos chega a 302.189 novas vagas, crescimento de 0,79% em relação ao mesmo período de 2016. Para o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, os resultados de outubro do Caged indicam consolidação da recuperação econômica. “Mostra que as politicas adotadas pelo governo estavam corretas”, destacou.
Reforma trabalhista
Segundo Nogueira, a entrada em vigor da nova legislação trabalhista vai influir positivamente no mercado de trabalho formal do país. “Em que pese os 45 milhões de trabalhadores na informalidade, nós temos a convicção de que só os contratos nas novas modalidades, como a jornada parcial, jornada de trabalho intermitente e teletrabalho, teremos mais 2 milhões de empregos novos.”
De acordo com o ministro, os empregos com jornada intermitente, por exemplo, devem surgir em setores de serviço como bares e restaurantes e de Tecnologia da Informação (TI).
Em relação à contagem dos empregos formais com jornada intermitente, uma vez que o trabalhador poderá ter mais de um contrato, Nogueira disse que a regra será “um trabalhador, uma vaga [computada pelo Caged]”.
Para se adaptar às novas modalidades de contratação, o sistema de dados do Caged passará a incluir informações sobre salário/hora/atividade.
Nogueira reconheceu que o trabalhador intermitente ainda não pode ser contado na série histórica do Caged, e disse que, em dezembro, quando forem incluídas as modalidades criadas pela nova lei trabalhista, a divulgação dos números do cadastro será feita separadamente.
Edição: Luana Lourenço

sábado, 18 de novembro de 2017

Último teste para um transplante de cabeça foi feito. E deu certo

Médico italiano Sergio Canavero afirmou que transplante e reconexão da cabeça com um corpo sem vida funcionou. Próximo passo é "transplante formal"

São Paulo – O médico italiano Sergio Canavero, que pretende fazer o primeiro transplante de cabeça da história, afirmou que o procedimento foi bem-sucedido em um treinamento feito em cadáveres. Canavero caracterizou o teste como o “último passo para um transplante de cabeça formal”, de acordo com o britânico The Telegraph.
O teste bem-sucedido revela que a técnica desenvolvida por Canavero, apesar de muito controversa, pode funcionar. O transplante de cabeça envolverá um trabalho delicadíssimo de conexão envolvendo a espinha, diversos nervos e vasos de sangue. De acordo com o médico, a equipe tem como objetivo realizar o trabalho em 18 horas.
O responsável pelo teste foi o doutor Xiaoping Ren, da Harbin Medical University, na China. É importante lembrar que o médico foi o responsável por realizar um transplante de cabeça entre macacos.
“Todos disseram que seria impossível. Mas a cirurgia deu certo”, disse Canavero em um pronunciamento realizado em Viena, na Áustria. De acordo com o médico, um trabalho formal será publicado em uma revista científica explicando e detalhando o procedimento e os resultados.
Testes usando transmissão de eletricidade mostraram que as conexões entre nervos, a cabeça e o corpo funcionaram. De acordo com o médico italiano, o próximo passo é fazer o mesmo procedimento em um paciente vivo.
Esse paciente já foi selecionado—e faz algum tempo.
O russo Valery Spiridonov é o voluntário para participar do primeiro transplante de cabeça da história. Ele sofre uma doença muscular terminal chamada Síndrome de Werdnig-Hoffman.
“Tenho muito interesse em tecnologia e qualquer assunto progressivo que possa mudar a vida das pessoas para melhor”, disse Sporidonov em uma entrevista ao Russia Today em 2015.
Também em 2015, o médico Sergio Canavero havia previsto que o transplante da cabeça de Spiridonov para um corpo que tivesse tido morte cerebral fosse acontecer em 2017.
Os planos de um transplante de cabeça (ou de corpo, se preferir) foram anunciados por Canavero em 2013. O especialista é diretor do grupo de neuromodulação avançada de Turim, da Itália.
A ideia de Canavero já foi bastante contestada entre especialistas. No passado, o presidente da Associação Americana de Neurocirurgiões, Dr. Hunt Batjer, chegou a dizer à CNN que não aceitaria passar por esse procedimento. “Existem muitas coisas piores do que a morte”, disse então.
Apesar dos testes supostamente bem-sucedidos de agora, Canavero e sua equipe ainda não divulgaram uma data para o transplante acontecer.

Volkswagen Novo sedã chega em janeiro


Volkswagen Virtus: sedã do Novo Polo chega em janeiro



A Volkswagen está revelando oficialmente o Virtus, a versão sedã do novo Polo. Nem adianta fixar os olhos na foto de dianteira, pois você não encontrará mudanças. Desça mais um pouco e veja a parte de trás, esta sim inédita.
Reparou? Não dá para comparar esta traseira com a de nenhum outro sedã da Volkswagen. O mais próximo é o Jetta, que também tem a placa instalada na tampa.
Mas o Virtus tem lanternas que avançam mais sobre as laterais e dão continuidade aos fortes vincos que começam nos para-lamas dianteiros. O para-choque também é mais elaborado, com barra cromada que o atravessa de ponta a ponta. Só ficaram faltando os refletores.
O Polo tem 2,56 m de entre-eixos. O Virtus tem 2,65 m, ou 8,6 cm a mais. Por isso as portas traseiras são maiores e têm uma divisão no vidro lateral, além da janela espia ascendente que ajuda a deixar o caimento do teto proporcional.
No fim, o terceiro volume deixou o Volkswagen Virtus 42,5 cm mais longo que o Polo. São 4,48 m de comprimento, fáceis de justificar: o porta-malas tem capacidade de 521 litros.
No Voyage são 480 l, no Jetta 470 l e no Passat, 506 l. Supera ainda o Renault Logan (510 l) e empata com o Fiat Grand Siena (520 l), mas não alcança o Chevrolet Cobalt (563 l).
A altura do Virtus é de 1,46 m, 4 mm a mais do que a do Polo, e a largura é a mesma: 1,75 m. Em outras palavras, tem o mesmo entre-eixos do Jetta, mas é 2,7 cm mais estreito e 1 cm mais baixo. Tem explicação: a nova geração do Jetta será apresentada em janeiro no Salão de Detroit e chega no ano que vem. Os sedãs médios mais recentes têm entre-eixos na casa dos 2,70 m.
Observando melhor o Virtus de frente, a impressão que passa é que a parte preta do para-choque frontal e os fortes vincos que definem a linha de cintura fazem mais sentido no sedã do que no hatch. Discorda?
De resto, o Virtus é a reprise de uma grande novidade. O interior é exatamente igual ao do Polo, com os mesmos equipamentos, inclusive. A versão das fotos é a topo de linha Highline, que também terá o quadro de instrumentos digital Active Info Display, com tela de 10,25 polegadas e a central multimídia Discover Media de 8 pol como opcionais.
Luzes diurnas de leds, ar-condicionado automático de uma zona e acesso, partida sem chave, detector de fadiga e sensores de estacionamento dianteiros e traseiros são outros dos equipamentos que também estarão disponíveis no Virtus.
Mas o sedã não terá o motor 1.0 aspirado de 84 cv. Começará pelo 1.6 MSI de 120 cv e 16,8 mkgf combinado ao câmbio manual de cinco marchas. Mas deve seguir o Polo à risca e segunda opção será o motor 1.0 TSI de 128 cv e 20,4 mkgf de torque, sempre combinado ao câmbio automático de seis marchas.
O problema de ter versões iguais às do Polo é que a versão de entrada não terá ajuste elétrico dos retrovisores, faróis de neblina ou ajuste de altura para o volante. Volks, ainda há tempo de evitar essa mancada no Virtus…
Mas a empresa já adiantou que controles de estabilidade e tração serão equipamentos de série apenas para a versão TSI. No 1.6, serão oferecidos entre os itens opcionais.
Com o Polo 1.6 partindo dos R$ 54.990, é de se esperar que o Virtus tenha preço inicial na casa dos R$ 58 mil, chegando perto dos R$ 75 na versão mais completa – que poderá passar dos 80 mil com todos os opcionais. O lançamento está previsto para janeiro.

Deputado anti-LGBT renuncia após flagra de sexo com homem no gabinete

Ex-deputado pediu desculpas a quem tenha se desapontado com sua conduta - Foto: Reprodução
Ex-deputado pediu desculpas a quem tenha se desapontado com sua conduta
Reprodução
Wes Goodman, deputado estadual nos Estados Unidos, renunciou ao cargo depois de ser flagrado fazendo sexo com um homem em seu gabinete. O parlamentar construiu a carreira política levantando a bandeira contra os LGBTs. 
Devido à "conduta inapropriada", como alegou, e sem dar detalhes, Goodman renunciou depois de ter uma reunião com o líder republicano do Legislativo de Ohio, Cliff Rosenberger. O porta-voz do líder, Brad Miller, explicou à imprensa americana que o parceiro do político não era funcionário nem tinha cargo eletivo na Casa.
Pró-família tradicional no discurso político, o ex-deputado pediu desculpas a quem tenha se desapontado com sua conduta. Em nota, o americano pediu privacidade para começar o "próximo capítulo da vida".
"Todos trazemos nossas próprias lutas e provações à vida pública. Isso tem sido verdade para mim, e sinceramente me arrependo que minhas ações e minhas escolhas tenham me impedido de servir meus eleitores e nosso Estado de maneira que reflita os melhores ideais do serviço público. Para aqueles a quem desapontei, sinto muito", destacou.

Confirmado o Lançamento da Pré Candidatura do Vereador Jarlis Adelino a Deputado Federal no Maranhão Pelo PMN

A Convite do PMN Partido da Mobilização Nacional o Vereador Jarlis Adelino estará oficializando sua pré candidatura a Deputado Federal pela agremiação, o convite foi realizado pelo então Presidente do Partido no Maranhão o Deputado Estadual Eduardo Braide a solenidade para oficializar essa pré candidatura será realizada no Santa Maria Hotel no próximo dia 24 de novembro de 2017 as 09h da manhã em Açailândia-MA.

O Vereador Jarlis Adelino sempre esteve empenhado e preocupado com a empregabilidade no município de Açailândia e Região, conhecedor dos problemas no setor industrial e comercial Jarlis Adelino surge no intuito de ser o defensor do trabalho e emprego na região.

Jarlis Adelino disse que o convite feito pelo seu partido vem de encontro a sua ideologia inclusive de campanha quando afirmava o desejo de crescimento no mundo político, sabedor dos desafios que serão travados até o dia da eleição em outubro de 2018 Jarlis vem viabilizando sua pré candidatura e vem conseguindo firmar parcerias e apoios importantes que serão fundamentais durante toda a sua pré campanha e após registro de candidatura, afirmou ainda que sua família aprovou a ideia, com apoio dos açailandenses iniciarei esse desafio disse o Vereador Jarlis Adelino.

        Fonte: ASCOM/Ver. Jarlis Adelino

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Cratera gigante se abre em fazenda no interior de Minas Gerais

Buraco em forma de funil teria até 20 metros de diâmetro. Especialista explica que formação é uma dolina, formada pelo desabamento de grutas subterrâneas


postado em 14/11/2017 12:26 / atualizado em 14/11/2017 13:19


Ver galeria . 8 Fotos
 
Dolina se abriu em área de cultivo de soja dentro de fazenda em Coromandel, no Alto Paranaíba, e assustou moradores (foto: Reprodução internet/Facebook )
Moradores de uma fazenda em Coromandel, no Alto Paranaíba, foram surpreendidos por um fenômeno geológico na semana passada. Um buraco gigante, que teria cerca de 20 metros de diâmetro, apareceu em uma plantação de soja na propriedade. Especialistas da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) estiveram no local e disseram que se trata de uma dolina.

A Fazenda Santa Cruz fica a 30 quilômetros da cidade. Segundo o proprietário, Diogo Tudela, o buraco se abriu entre os dias 5 e 6 de novembro, e foi descoberto por um morador. “Você nem imagina o tamanho do susto”, disse. O terreno recebeu o plantio de soja há pouco tempo. O fenômeno nunca havia ocorrido na propriedade. “Foi por isso que a gente procurou especialistas, para sanar a nossa curiosidade e dúvida. Depois vimos que já existem registros na região desse evento”, explicou.

Cruzeiro vende lateral Diogo Barbosa ao Palmeiras para pagar salários atrasados

Negócio foi fechado verbalmente e deve ser oficializado na quinta-feira

Ramon Lisboa/EM/D.A Press
Com dívida crescente e salário de outubro ainda sem ser pago ao elenco, o Cruzeiro acertou nesta terça-feira a venda do lateral-esquerdo Diogo Barbosa ao Palmeiras. Na segunda-feira, o Superesportes informou a chegada da oferta palmeirense por 100% dos direitos, no valor de 4,5 milhões de euros (R$ 17,5 milhoes). Ainda que o clube mineiro detenha apenas 25% do atleta – os 75% restantes são do BMG - , o presidente Gilvan de Pinho Tavares, que terá o mandato encerrado em 31 de dezembro, decidiu bater o martelo justamente pela necessidade urgente de quitar compromissos com o grupo profissional.
O presidente eleito, Wagner Pires de Sáconfirmou que o antecessor Gilvan fechou o negócio verbalmente nesta terça-feira com a direção do Palmeiras. O diretor jurídico Fabiano de Oliveira Costa foi avisado pelo atual mandatário.

Oficialmente, a diretoria atual ainda não confirma o aceite à oferta feita pelo Palmeiras. Procurado, o presidente Gilvan de Pinho Tavares não atendeu as chamadas, como de praxe. Já o diretor de futebol Klauss Câmara disse que o tema ainda será discutido na quinta-feira entre todos os integrantes do departamento de futebol. 

”Na verdade, não tem nada disso (de venda concluída), todo mundo sabe que a proposta do Palmeiras chegou, mas não tem definição de fechamento. Amanhã, quarta, é feriado. Na quinta, a gente deve ter definição. Vamos sentar e discutir. Não tem nada certo”, declarou.

Indagado se os salários do departamento de futebol estavam integralmente atrasados, Klauss pediu gentilmente para não comentar. Assim como Gilvan, ele deixará o clube no fim do ano.

Na segunda-feira, em entrevista ao Superesportes, Itair Machado, vice de futebol do presidente eleito Wagner Pires de Sá, mostrava otimismo em relação à permanência de Diogo Barbosa. A intenção dele era convencer o Banco BMG, detentor de 75% do atleta, a aceitar percentuais de outros jogadores do clube, como Murilo e Alisson, para manter o lateral na Toca da Raposa e recusar a investida do Palmeiras.

Já nesta terça, em novo contato, ele admitiu a saída de Diogo Barbosa para o Palmeiras. Por força de contrato, o Cruzeiro tinha 48 horas (até quinta-feira) para adquirir os 75% restantes do lateral-esquerdo por 3,375 milhões de euros (R$ 12,9 milhões), proporcionalmente o mesmo valor da oferta palmeirense pelos 100%.

Itair revelou que até conseguiu autorização do Banco BMG para estender o prazo de pagamento até o dia 21 deste mês. A nova diretoria vinha trabalhando para obter os recursos com parceiros. No entanto, por conta de pendências urgentes, o presidente Gilvan de Pinho Tavares avisou que baterá o martelo oficialmente nos próximos dias.

”Eu e o presidente eleito, o Wagner, tivemos uma reunião com o Gilvan nesta terça-feira para tratar desse assunto. Falei que ia conseguir uma semana a mais de prazo, só que não ia entrar nenhum recurso para o Cruzeiro até lá. Só que o Gilvan precisa dos recursos imediatamente para pagar a folha, e ele está propenso a fechar o negócio por isso. A gente respeita a opinião do Gilvan, pois ele é o presidente até 31 de dezembro, mas informei a ele que estávamos encerrando a viabilização do recurso da compra do Diogo Barbosa. Por isso, fechei o prazo com o BMG até o dia 21. Mas como o Gilvan é o presidente, a decisão seria dele. A gente não queria vender o jogador, mas até 31 de dezembro é ele que tem a caneta, e a gente respeita, pois quem tem que pagar as contas é ele”, explicou Itair Machado.

Dono de 25% dos direitos de Diogo Barbosa, o Cruzeiro teria direito a 1,125 milhão de euros (R$ 4,4 milhões) na transferência do jogador. A reportagem apurou que o presidente Gilvan tenta elevar a participação do clube para 1,3 milhão (R$ 5 milhões). O Banco BMG ficaria com a diferença paga pelo Palmeiras.

Diogo Barbosa tem contrato com o Cruzeiro até dezembro de 2018. Se fosse adquirido em definitivo pelo Cruzeiro, o vínculo seria prorrogado até dezembro de 2021.

O lateral-esquerdo já disputou 59 jogos pelo Cruzeiro. No período, marcou dois gols e deu oito assistências.

Nova Biz 2018 é apresentada

Honda Biz 2018 é apresentada durante o Salão de Duas Rodas

Modelo ganhou visual renovado, painel digital, maior espaço no bagageiro e freio CBS

Fotos divulgação HondaFotos divulgação Honda
A Honda acaba de apresentar a Biz 2018 renovada, entre as novidades estão detalhes visuais, painel digital, maior espaço no bagageiro e o sistema de frenagem CBS que será item obrigatório em todas as motos em 2019. 
A sigra CBS em inglês quer dizer "Combined Braking System" (sistema de freios combinados, em tradução livre). É mais barato e também diferente do ABS.
Enquanto nos freios tradicionais existem acionadores independentes para frear a roda da frente (manete direito) e a traseira (pedal), o sistema combinado reparte a força de atuação entre os dois eixos.
Honda Biz 2018 é apresentada durante o Salão de Duas Rodas
Honda Biz 2018 é apresentada durante o Salão de Duas Rodas
A ideia do CBS é corrigir o mau hábito dos motociclistas de usar somente o freio traseiro, quando o ideal é acionar os dois, já que a maior parte do poder de frenagem de uma motocicleta está na dianteira. Com o sistema, a moto consegue parar antes.
Porém o sistema somente entra em ação caso o freio seja pressionado com força, utilizando todo o seu curso, para entrar em ação a frenagem na roda dianteira. O acionamento do freio combinado ocorre de maneira progressiva. Com leves toques sobre o pedal, a força fica apenas na roda traseira.
Honda Biz 2018 é apresentada durante o Salão de Duas Rodas
Tanto a Biz 110i como a 125i compartilham mudanças no design que receberam o novo grupo ótico frontal, painel inédito e laterais e rabeta com novo desenho, além de novas opções de cores de assento e partes internas. No aspecto da praticidade os destaques são a ampliação do espaço sob o assento, novo sistema de abertura do banco, um inédito gancho retrátil para transporte de bolsas, sacolas ou mochilas na face posterior do escudo e tomada de força 12V.
Honda Biz 2018 é apresentada durante o Salão de Duas Rodas
No aspecto técnico as Biz em versão 2018 mantém os modernos motores de 110 e 125cc alimentados por injeção eletrônica PGM-FI. Os motores contam com arrefecimento a ar e aceitam tanto etanol como gasolina. O câmbio é do tipo semiautomático de 4 marchas e a Honda promete um conjunto bem eficiente, com baixo consumo e fácil de pilotar.
Segundo a Honda a Biz 2018 chega ao mercado a partir de hoje nas versões 110i e 125i. Os valores são R$ 7.590 e R$ 9.390, respectivamente, e contarão com três anos de garantia e sete trocas de óleo gratuitas.
Honda Biz 2018 é apresentada durante o Salão de Duas Rodas

Caixa paga na sexta-feira abono do PIS para trabalhador nascido em novembro

Da Agência Brasil
Brasília - Brasileiros aproveitam o sábado para sacar o FGTS inativo durante a segunda etapa do liberação do FGTS nas agências da Caixa Econômica (José Cruz/Agência Brasil)
Caixa pagará valores que variam de R$ 79 a R$ 937, totalizando R$ 1,2 bilhão para 1.778.726 trabalhadoresJosé Cruz/Agência Brasil
A Caixa Econômica Federal começa a pagar - a partir da próxima sexta-feira (17) - o abono salarial do Programa de Integração Social (PIS) calendário 2017/2018, ano-base 2016, para os trabalhadores nascidos em novembro. Os valores variam de R$ 79 a R$ 937.
O abono estará disponível para os inscritos há pelo menos cinco anos no PIS e que tenham trabalhado com carteira assinada por pelo menos 30 dias em 2016, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos.
No total, os recursos liberados chegam a mais de R$ 1,2 bilhão para 1.778.726 pessoas. Para obter informações sobre o valor a receber, o trabalhador pode acessar o site www.caixa.gov.br/PIS ou ligar para o telefone: 0800 726 0207. Quem tem conta na Caixa receberá o benefício automaticamente a partir de hoje (14).
O trabalhador com o Cartão do Cidadão e senha cadastrada pode se dirigir a uma casa lotérica, um ponto de atendimento Caixa Aqui ou aos terminais de autoatendimento do banco. Quem não tem o cartão e não tenha recebido automaticamente em conta, o abono pode ser retirado em qualquer agência da Caixa, basta apresentar o documento de identificação.

Família se recusa a sepultar jovem por dois dias alegando que ela está viva

Cláudia Galvão e Fillipe LimaDebora morreu no último domingo (12)
Debora morreu no último domingo (12)

Uma família de Rio Largo, cidade da região metropolitana, se recusa a sepultar uma jovem de 18 anos, que morreu de causas clínicas no último domingo (12). A família alega que a jovem não apresenta rigidez cadavérica, mantém a temperatura corporal e teria “respirado” no domingo. O caso inusitado está atraindo dezenas de pessoas para a residência da família, no Centro de Rio Largo. A polícia também foi acionada para o local.
Além da mãe, um irmão da jovem, um adolescente de 15 anos, afirma que a irmã apresenta pulsação fraca. A confusão se arrasta há dias. Integrantes de uma igreja pentecostal chegou a providenciar as questões relacionadas ao sepultamento, mas como a mãe da jovem Débora Isis Mendes de Gouveia, 18, Teresa Cristina Gouveia afirma que ela está viva, o enterro foi adiado.
O começo
Em entrevista à reportagem do Alagoas 24 horas, Teresa afirma ter certeza que a filha está viva. Isso porque quando estava grávida de sete meses da menina, ela teria sido considerada ‘morta’ e 15 dias após o diagnóstico voltou a dar ‘sinais de vida’.
Teresa afirma que a filha está viva
Teresa afirma que a filha está viva
Debora foi internada na terça-feira (7) no Hospital Ib Gatto Falcão, após crise depressiva. A jovem teria sido medicada com um calmante e convulsionou, sendo posteriormente levada ao Hospital Geral do Estado e, finalmente, a um hospital particular onde teria ‘morrido’ no final de semana.
Apesar da morte atestada pelo médico, a família da jovem questiona o laudo e afirma acreditar que Debora está em “coma induzido”. A mãe exige, agora, a presença de um médico legista para “atestar” o óbito da filha.
Abandono
Enquanto a mãe afirma que Debora Isis está viva, integrantes da igreja onde a família congrega afirma que a jovem, assim como os irmãos, sofreriam de abandono. As crianças apresentariam problemas como subnutrição, entre outros, uma vez que os pais não se fariam presentes.
A reportagem entrou em contato com a Perícia Oficial e foi informada pela sua assessoria que o corpo da jovem não foi submetido à necropsia pois a morte foi clínica. A polícia judiciária suspendeu o sepultamento e determinou o recolhimento do cadáver ao Serviço de Verificação de Óbitos (SVO) para determinar a causa da morte da menina e se houve erro hospitalar.

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

Vereador Jarlis Adelino Requer da Câmara de Vereadores de Açailândia a Criação de Comissão Especial para Discutir a Situação da Segurança Publica no Municipio

Os 17 Vereadores de Açailândia assinaram e aprovaram por unanimidade o requerimento do Vereador Jarlis Adelino (PMN) que solicita a mesa diretora da Câmara Municipal de Açailândia a Criação de uma comissão parlamentar para discutira sobre a situação da segurança publica no município.

confira:


Ver. Jarlis Adelino
Os Vereadores tem a obrigação de buscar informações e discutir com a sociedade a segurança publica do município, cobrar dos responsáveis pelas instituições de segurança publica do estado. Açailândia vive hoje um dos piores momentos na segurança publica de sua historia, assassinatos, roubos, furtos de todos os tipos vem acontecendo em nossa cidade e a sociedade não aguenta mais essa situação, os parlamentares estão de parabéns por assinarem e aprovarem este requerimento, essa comissão apoiada por todos os demais vereadores irá se empenhar o máximo para contribuir com a segurança de todos os açailandenses, disse o Vereador Jarlis Adelino

 Fonte: ASCOM/ Ver. Jarlis Adelino

Vereador Jarlis Adelino diz que vereadores não tem legitimidade para divulgar seu voto secreto em relação ao Veto da Lei do Taxis Lotação Compartilhada em Açailândia

TAXISTAS DE AÇAILÂNDIA: Nem um vereador tem legitimidade de ir pra algum canal de comunicação ou tribuna da própria Câmara de vereadores em Açailândia dizer que votou a favor ou contra o veto! afinal o voto foi secreto, qual legitimidade teria essa declaração, qual grau de verdade tem essa declaração, no meu ponto de vista nem uma... afirmou o parlamentar Jarlis Adelino.
SOU A FAVOR DO VOTO ABERTO! confirma o vereador.
O Vereador Jarlis Adelino juntamente com mais vereadores apresentaram projeto de Lei na ultima sessão ordinária da câmara de vereadores que para mudar essa situação... a Nova Lei impedirá o voto secreto nas sessões da Câmara Municipal de Açailândia; transformando o voto secreto em voto aberto... afirma o ver. Jarlis Adelino.

Fonte: ASCOM/ Ver. Jarlis Adelino

Por que você nunca deve beber café de barriga vazia

Uma recente pesquisa revelou que um dos hábitos mais tradicionais do brasileiro - de tomar café puro pela manhã - não é uma boa ideia

São Paulo – Quente ou gelado, forte ou fraco: tomar café é um dos hábitos mais tradicionais do brasileiro. Ao todo, 80% da população saboreia ao menos uma xícara por dia, segundo a Fipe. Inúmeras pesquisas já revelaram os benefícios da bebida, como a diminuição da mortalidade entre os amantes da cafeína e a proteção do cérebro contra a demência. Mas, embora não haja nada de errado no consumo constante, você deve se esquecer de bebê-lo de estômago vazio.
De acordo com uma pesquisa publicada pela revista americana Reader’s Digest, essa prática pode prejudicar o sistema digestivo, já que o café, quando entra em contato com o estômago, produz ácidos estomacais que podem danificar as paredes do próprio órgão, causando indigestão e azia.
Além disso, segundo a publicação, tomar café com o estômago vazio altera todo o ciclo circardiano do corpo. Ou seja, o relógio biológico deixa de funcionar de formar eficaz, devido à alteração nos níveis de cortisol – hormônio que mantém o corpo alerta e com energia. Parece contraditório, já que o senso comum acredita que é só por meio do café que o corpo acorda. Mas, na maioria das vezes, a bebida pode atrasar todo o funcionamento biológico para um bom começo de dia.
Segundo o médico e diretor da PushDoctor.co.uk, Adam Simon, em entrevista ao site britânico Express, essa rotina pode potencializar o nervosismo, a ansiedade e outros efeitos colaterais, incluindo alterações de humor. “O café também pode aumentar a freqüência cardíaca, irritabilidade e incapacidade de se concentrar”, completou. Ele recomenda que a prática seja alinhada com um café da manhã balanceado e saudável.

Nova Regra Trabalhista inicio no Brasil e Trabalhador já é condenado com novas regras veja

Trabalhador na BA é condenado a pagar R$ 8,5 mil em honorários com nova regra

A reforma trabalhista prevê que o empregado que entrar com uma ação na Justiça contra a empresa e perder poderá ter que arcar com as custas do processo


postado em 13/11/2017 16:31 / atualizado em 13/11/2017 17:34
 


Sentenças proferida no sábado mesmo dia em que nova legislação trabalhista entrou em vigor, provoca polêmica na Bahia. Tomando como base a nova legislação, o juiz José Cairo Júnior, Titular do TRT da 3ª Região, na cidade de Ilhéus, sul do Estado chamou a atenção por negar o pleito de um trabalhador e por condená-lo a arcar com as custas do processo.
O funcionário de uma empresa do ramo agropecuário entrou na Justiça reivindicando indenização de R$ 50 mil por ter sido assaltado à mão armada quando se preparava para se deslocar para o local de trabalho.

Entretanto, o magistrado não viu no fato implicação por parte da empresa e rejeitou a tese de "responsabilidade civil do empregador decorrente de atos de violência praticados por terceiros".

Ele ainda indeferiu o benefício da justiça gratuita, determinando que o autor da ação pagasse a quantia de R$ 8,5 mil de custas processuais, e por litigância de má-fé, por ter reivindicado o pagamento de horas extras - que não teriam sido comprovadas .

O juiz entendeu que não há como atribuir ao empregador a responsabilidade pelo aumento da criminalidade na região, já que tal situação não está sob seu controle, além disso, o fato sequer poderia ser considerado acidente de trabalho.
"O próprio reclamante, em suas alegações finais, informa que o evento teria ocorrido enquanto ele se preparava para se deslocar ao trabalho e não no seu efetivo trajeto", justificou o juiz.

Sobre a reivindicação de pagamento de horas extras, José Cairo Junior alega que o reclamante, durante o seu depoimento informou que trabalhava das 7 horas às 12 horas e das 13 horas às 16 horas, de segunda a sexta-feira, e aos sábados até às 11 horas.

"Ora, tais informações comprovam que o autor alterou a verdade dos fatos, pois em sua inicial diz que só gozava de 30 minutos de intervalo", fundamentou.

Nova regra


A reforma trabalhista prevê que o empregado que entrar com uma ação na Justiça contra a empresa e perder poderá ter que arcar com as custas do processo. De acordo com o texto, os chamados honorários de sucumbência serão de 5% a 15% do valor da ação.